Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correspondente no Casal de S. Brás

Objectivo: ”coscuvilhar” assuntos aqui da terrinha e arredores.

Correspondente no Casal de S. Brás

Objectivo: ”coscuvilhar” assuntos aqui da terrinha e arredores.

Azeitonas do Alqueva na Falagueira

correspondente, 03.11.11

Desculpem a ignorância de um citadino, mas não é que as azeitonas apanhadas do chão, junto a uma oliveira (das muitas) na estação do METRO da Falagueira, cheiram a azeite quando se “escarafuncha” nelas, ou talvez seja mais apropriado dizer que o azeite cheira a azeitona, pois este é que provém desta e não o contrário. Parece conversa de parvo, toda a gente sabe que o azeite vem da azeitona, por isso, nada mais natural terem cheiros semelhantes, pois é, mas a verdade é que toda a azeitona que chega à mão de um citadino, por já ter sido curtida (será este o termo?) cheira a tudo menos a azeite. Apenas uma menção para a excelente ideia, a de trazer para estes lados (e outros) estas oliveiras que com a construção da barragem iam ficar submersas, uma “operação” provavelmente dispendiosa, mas bem decidida, devem estar ali algumas oliveiras cuja idade venerável nos merecem respeito.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.